Obama festeja aprovação de lei climática e pede retirada de imposto sobre importações


O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, festejou neste fim de semana, a aprovação da lei climática na Câmara Federal daquele país, na última sexta-feira, 24, e classificou-a de “extraordinário primeiro passo”.
O Ato de Energia Limpa e Segurança 2009 recebeu 219 votos favoráveis e 212 contra, e agora precisa ser aprovado no Senado para virar lei.

Obama, contudo, disse neste domingo, 28, que espera que o Congresso retire uma cláusula que impõe, em 2020, tarifas sobre importações de países que não tenham um sistema de preços ou limites sobre as emissões de dióxido de carbono.

“Em uma época em que a economia mundial ainda está em recessão e vemos uma queda significativa no comércio global, eu acho que precisamos ser muito cuidadosos em enviar qualquer sinal de protecionismo”, afirmou Obama, segundo o jornal Washington Post.

A lei climática prevê uma redução das emissões de gases do efeito estufa em 17% até 2020 e 83% até 2050, em relação aos níveis de 2005.

Fonte: Washington Post
Reações: 

0 Response to "Obama festeja aprovação de lei climática e pede retirada de imposto sobre importações"

Postar um comentário