Está correndo pelos e-mails do Brasil: Da energia se fez a vida


Na guerra pelo progresso, o homem não mede esforços e as consequências dos seus atos. O importante é avançar. Numa batalha desigual, destrói insanamente os recursos naturais, essenciais à sobrevivência. A resposta da natureza pode até demorar, mas não falha. Às vezes é imediata, intrigante ou mesmo desafiadora. Só precisamos interpretá-la.

Num ato silencioso e inusitado, ela respondeu aos afiados machados e às violentas motosseras, maiores formas do desrespeito destruidor. Insistiu e exigiu seu espaço para expor a beleza de suas flores e a generosa sombra da sua capada, numa grande demonstração de energia e desejo de viver.

Derrubado e transformado em poste para suporte dos fios da rede elétrica, o Ipê amarelo não se entregou. Com uma recuperação estupenda, recuperou sua pompa e reinado de árvore e símbolo nacional. Rebelou-se à condenação injusta, criou suas raízes no solo e voltou a reinar absoluto, esbanjando alegria e beleza com sua identidade marcante. Reconsiderando o seu ato, o homem decidiu transferir a rede elétrica a um poste de concreto instalado ao lado. Agora, o Ipê reina livre dos fios.
Este Ipê, que pode ser honrado com “I” maiúsculo, é uma atração pública em Porto Velho, capital de Rondônia. Não aceitando a imposição do homem o Ipê fincou pé e readquiriu vida.

A belíssima foto é do gaúcho radicado em Porto Velho, Leandro Barcelos
Reações: 

1 Response to "Está correndo pelos e-mails do Brasil: Da energia se fez a vida"

  1. Sal Troccoli Says:

    É realmente triste como um homem, e aqueles que governam você esquecer que este mundo não é para sempre, deixando os bons cuidados da Mãe Natureza.

    Mais cedo ou mais tarde, milhões de pessoas irão pesar vendo o sofrimento dentro deles, por isso são únicas para os seus pobres cuidados este belo planeta.

    Abraços de longe, e não deixar esquecer a luta, vá em frente para um mundo melhor, e abraços a todos.

    http://elsiglodesomerton.blogspot.com/

Postar um comentário